Mariana Duarte Silva: o estúdio MetalBox

PÓ-DE-ARROZ é o tributo merecido à sensibilidade e à força, à robustez que é ser mulher sem desprendimento do feminino, da candura, da destreza. É o elogio que faltava e que começa agora, aqui.

Seguindo o fio condutor que é o empreendedorismo dentro do Village Underground Lisboa e os projectos que se edificam e se moldam ao espaço na perfeição, falemos do MetalBox, o estúdio de Gustavo Rodrigues, também ele DJ, produtor e parte da dupla Stereo Addiction. Como se não bastasse, é também ele parte integrante do coração de Mariana, vulgo marido. Sentem-se à mesa (de som), pois vamos conversar.

COLECTIVO7186_metalbox_02

Antes de continuar, contudo, há que mencionar um detalhe importante: o estúdio está dentro de contentores e, diga-se, está muito bem conseguido. Construído de raiz pelo próprio Gustavo – com a ajuda de alguns amigos – o MetalBox faz jus ao nome e à função, mas não se limita a isso: «Trabalhar aqui é óptimo. É central e calmo, parece que estamos numa quinta no centro de Lisboa. Venho de um sítio atafulhado de gente e, aqui, é ouro sobre azul. Foi uma mudança óptima para mim e para os meus clientes. Chegam aqui e estão à vontade, há espaço e não há stress algum», admite Gustavo. «É a minha casa».

COLECTIVO7186_metalbox_03

«A ideia que sustenta o MetalBox é dar a conhecer este espaço a potenciais clientes e jovens músicos que procurem um espaço para gravar. Aqui encontram um técnico de som muito experiente com preços acessíveis. É um modelo de negócio que não é muito usual e é isso que pretendemos, também, desenvolver aqui no MetalBox. A outra vertente é ser um estúdio móvel que pode ser levado para eventos de todo o género que precisem de gravação de som ou de activação de rádio, desde festivais de música a eventos desportivos», remata Mariana. É um modelo de negócio que não se vê muito, o que o torna ainda mais funcional e prático, já que os contentores se podem transportar para onde for necessário, sem que seja preciso montar ou desmontar. É entrar e gravar.

COLECTIVO7186_metalbox_05

No MetalBox, Gustavo Rodrigues tem já um rol de clientes – novos e antigos – com quem trabalha usualmente, como a Red Bull Music Academy, MC Vírus, MC KOragem, Diana Freire com o projecto PeSSoaS, a Geninha Melo e Castro, alguns trabalhos de locução e de sonoplastia para Teatro com a Buzico, a Ponto Zero, entre muitos outros. O Ginga Beat é o programa semanal que faz para o RBMA, um programa de rádio com transmissão na Antena 3 com Rui Miguel Abreu, Joaquim Albergaria, Violet, MC Maze e sonoplastia de DJ Ride.

COLECTIVO7186_metalbox_04 COLECTIVO7186_metalbox_07

«A Buzico é uma produtora de Teatro que está cá no VU desde o início, e a Ponto Zero é uma produtora de audiovisuais do Pedro Barroso. São ambas residentes e isto espelha um pouco do que queremos no VU, os residentes a interagirem e a “usarem-se” uns aos outros. Este estúdio também é acessível a novos projectos, e não só, que não têm possibilidade de responder a grandes orçamentos e queiram gravar». Missão cumprida.

Leave a comment